Chia

Uma das maravilhas, somente encontrada na “chia”, é a sua habilidade de absorver mais de 12 vezes seu peso de água.

Esta habilidade de segurar água, pode prolongar hidratação e retenção de eletrólitos em fluidos do corpo, especialmente durante esforços.

Este gel formado é criado devido à fibra solúvel que contém.

Pesquisadores acreditam que este mesmo gel é o fenômeno que ocorre no estômago quando a comida contém este tipo de fibra pegajosa conhecida como mucilagem.

O gel criado, quando ingerido, produz uma barreira física, que divide as enzimas digestivas dos carboidratos, isto faz uma lenta conversão de carboidratos em açúcar.

Tende a fazer uma digestão lenta e mantém os níveis de açúcar no sangue, a qual pode ser útil na prevenção e controle do diabetes. (TOSCO, G., 2004).

A semente de chia contém uma quantidade de compostos com potente atividade antioxidante. (CASTRO-MARTÍNEZ, 1986; TAGA et. al., 1984).

Os benefícios desta semente podem contribuir na manutenção da saúde física e mental, por ser rica em quase todos os tipos de nutrientes, veja as vantagens de incluí-la na alimentação:

* Promove a saciedade;

* Combate inflamação;

* Desintoxica;

* Reduz o colesterol;

* Controla a glicemia;

* Chia ajuda na formação óssea;

* Previne o envelhecimento precoce.

* Melhora a imunidade do organismo.
Deve-se introduzir a semente na alimentação de acordo com seu estilo de vida.

Ela pode ser consumida pura ou misturada em frutas de sua preferência, também poderá ser adicionada em saladas, no preparo de iogurtes, sucos naturais ou na comida.

O ideal é ingerir uma colher (sopa) da semente 30 minutos antes das refeições. (ROGOSKI, L., 2011).

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

  1. TOSCO, G. Os benefícios da “chia” em humanos e animais. Atualidades Ornitológicas. México, n. 119, p. 7, mai./jun., 2004.

    2. Castro-Martínez, R., D. E. Pratt, and E. E. Miller. 1986. Natural antioxidants of chia seeds. Pages 392–396 in Proc. World Conf. Emerging Technologies Fats Oils Ind. Am. Oil Chem. Soc., Champaign, IL.

    3. TAGA, M. S., MILLER, E. E., PRATT, D. E.. Chia seeds as a source of natural lipid antioxidants. J. Am. Oil Chem. Soc. 61:928–931. 1984.

    4. CHIA. Disponível em:<http://vitaeinstitutoeducacional.arteblog.com.br/697009/CHIA-A-SEMENTE -QUE-EMAGRECE/>. Acesso em: 03 jul. 2012.

    5. ROGOSKI, L. Benefícios da Chia 2011. Disponível em: < http://www.dicasdenutricao.com/2011/10/beneficios-da-chia.html>. Acesso em: 03 jul. 2012.

Ver receita: Sagu de chia com suco de uva